Foto: Granma – Fidel com elementos da Segurança Pessoal

Na passagem do 60º aniversário da Direção da Segurança Pessoal que tem como missão a proteção dos dirigentes da Revolução, Raúl Castro, em mensagem dirigida à organização, afirma “como referiu o nosso Comandante em Chefe, não é exagero descrever o que a Segurança Pessoal alcançou como proeza e façanha histórica. Por esses e muitos outros motivos, vocês representam o amor, o respeito e o reconhecimento do nosso Povo” e continua “pela responsabilidade e o empenho que colocam no cumprimento das missões atribuídas e pelos resultados obtidos nessas seis décadas, os felicito e ao mesmo tempo os convido a aumentar a preparação e o profissionalismo para continuar defendendo as conquistas da Revolução”

O Presidente Diaz-Canel na mensagem de felicitação afirmou: “durante 60 anos, a Revolução Cubana contou com essa força exemplar por sua consagração, modéstia e profissionalismo, cujo maior e indiscutível mérito é ter cuidado da vida de Fidel, Raúl e da Geração Histórica com infinito zelo”.

Nota: De recordar que Fidel Castro escapou a mais de 600 tentativas de assassinato.

Setembro. 2021

Intervenção de Miguel Mario Díaz-Canel Bermúdez, primeiro-secretário do Comité Central do Partido Comunista de Cuba e presidente da República, no Segundo Momento dos Objectivos de Desenvolvimento Sustentável realizado durante o Debate Geral do 76º período das sessões da Assembleia Geral das Nações Unidas, do Palácio da Revolução, em 20 de Setembro de 2021, “Ano 63 da Revolução”.

Foto: Sitio da Presidência

Senhor secretário-geral;

Senhor presidente

Há seis anos, convocados pelas Nações Unidas, praticamente todos os líderes mundiais comprometeram-se a «não deixar ninguém para trás», no propósito comum de cumprir os chamados Objectivos de Desenvolvimento Sustentável até 2030.

A verdade seja dita: milhões de seres humanos continuam a ser deixados para trás. Para uma maioria de nações, os Objectivos não parecem alcançáveis em menos de uma década.

Uma ordem internacional injusta e antidemocrática é a causa das desigualdades e a exclusão enfrentada pelas grandes maiorias hoje num cenário agravado pelos efeitos devastadores da pandemia da COVID-19. Enquanto essa ordem mundial prevalecer, os objectivos mais nobres permanecerão uma quimera.

A membro do Bureau Político do Partido e directora-geral do CIGB, doutora em Ciências Marta Ayala Ávila, esclareceu que eficácia não se confunda com efectividade, uma vez que a primeira é determinada no âmbito de estudos clínicos, ou seja, sob ideais condições de pesquisa; enquanto a efectividade é analisada em

Foto: Internet

 

Em Julho passado, a autoridade reguladora cubana concedeu à Abdala a Autorização de Uso Emergencial (AUE), após mostrar uma eficácia de 92,28% na prevenção de doenças sintomáticas, durante a fase III dos testes clínicos. 

 

A vacina Abdala, desenvolvida pelo Centro de Engenharia Genética e Biotecnologia (CIGB), tem demonstrado efectividade de 90% em pacientes graves com COVID-19, mesmo com a circulação da variante Delta muito agressiva do coronavírus SARS-COV-2.

«Os Estados Unidos estão a tentar do pântano que suas tropas ajudaram a criar durante 20 anos de presença no Afeganistão, e Biden pretende remover o espinho da derrota ameaçando Cuba e a Venezuela num discurso cínico. Com que moral?

Foto: Ilustração de Pawel Kuczynski

 

Referindo-se as declarações do presidente dos Estados Unidos na 76ª sessão da Assembleia Geral das Nações Unidas, o primeiro-secretário do Partido Comunista e presidente da República de Cuba, Miguel Díaz-Canel Bermúdez, considerou-as inaceitáveis e desqualificadas, e elogiou no Twitter a resposta do chanceler Bruno Rodríguez Parrilla na mesma rede social, onde afirmou que o governo de Joe Biden carece de autoridade moral para promover iniciativas que mobilizem um esforço genuíno da comunidade internacional em prol da paz, da dignidade humana e do desenvolvimento.

Foto: Granma

Chegou a Cuba o terceiro carregamento de donativos da República Popular da China para o combate ao COVID-19, que foi recebido, no aeroporto de Havana pelo Ministro do Comércio Exterior de Cuba e diversos diplomatas chineses.

O Ministro Cubano classificou como um gesto de amor e amizade do Governo Chinês esta solidariedade.

O carregamento, de 22 toneladas é constituído por testes e equipamentos de protecção individual.

Está previsto que, nos próximos dias, cheguem mais 100 toneladas com medicamentos e equipamentos médicos.

Fonte: Granma