Como prova da gratidão do povo àqueles que desempenharam um papel de liderança na extinção do incêndio de grande magnitude que ocorreu nos depósitos de combustível em Matanzas, 25 elementos do corpo de bombeiros de Villa Clara, que participaram destas ações, foram condecorados em 14 de setembro.

 

Como prova da gratidão do povo àqueles que participaram da epopeia de extinção do incêndio de grande magnitude que ocorreu nos depósitos de combustível em Matanzas, em 14 de setembro, 25 elementos do Corpo de Bombeiros de Villa Clara, que participaram dessas ações, foram condecorados.

De acordo com o Decreto Presidencial No. 478, dez membros foram condecorados com a Medalha por bravura durante o serviço, segunda classe.

No mausoléu aos combatentes do Front de Las Villas em Santa Clara, outros 15 membros do ministério do Interior foram agraciados com o Elogio à Virtude, que foi acompanhado pela Distinção de Serviço Distinto.

Por outro lado, a Central dos Trabalhadores de Cuba (CTC) concedeu a Bandeira da Proeza Trabalhista ao Corpo de Bombeiros da província.

Na atividade liderada por Osnay Miguel Colina e Alberto López Díaz, as principais autoridades políticas e governamentais do território, respectivamente, o coronel Gustavo Díaz Villalobos, chefe do Ministério do Interior em Villa Clara, leu uma carta de felicitações do Ministro do Interior.

MAYABEQUE CELEBRA O HEROÍSMO

À noite, na Praça dos Internacionalistas, em San José de las Lajas, Mayabeque, foi realizada a cerimónia de condecorações para aqueles que combateram o incendio em Matanzas.

Pelo Decreto Presidencial Nº 477, a Ordem de 6 de junho, post mortem, foi conferida ao capitão Areskys Quintero Orta, ao soldado Michel Rodríguez Román, a Rolando Oviedo Sosa e Osmany Blasco Sosa.

Fonte: Granma

Setembro, 2022