Como se já não bastassem as acções de terror que espalham onde quer que pisem invadindo países soberanos com o objectivo de pilharem as suas riquezas naturais ou de forma insidiosa e covarde, financiando grupos terroristas para a seu mando causarem a destruição e a morte indiscriminada das populações, o sr.Trump e os seus pares imperiais não cessam a sua agressividade com o objectivo de causar o caos a nível global.

Num momento em que o mundo se debate com um vírus que já provocou milhares de mortes, incluindo nos EUA, vem acusar Nicolas Maduro e altas individualidades do Estado Bolivariano de narcoterrorismo. Esta infundada e grosseira acusação estava articulada com acções terroristas e a tentativa de magnicídio que visava um golpe de estado em Março que foi  neutralizado pelo Governo da Venezuela.

No momento em que a solidariedade é fundamental para derrotar o Covi19, em que nações ajudam como podem, como demonstram a China, Rússia e Cuba, ao apoiar Itália.

O Sr. Trump, presidente da nação mais poderosa do planeta, não mostra qualquer decoro ou humanismo e a ajuda que no seu entender é justificada, para bem da “democracia” é a manutenção ou reforço das criminosas e injustas sanções que vai decretando a quem não lhe presta vassalagem.

A exigência dos povos agredidos e de todos quantos defendem e lutam pela paz é de que os EUA cessem as políticas provocatórias agressivas e insultuosas e cessem definitivamente as sanções e o bloqueio contra a Venezuela, Cuba, Irão e Síria e sejam parte activa na abolição do caos e na construção de um mundo livre de guerras.

Solidariedade com a Venezuela Bolivariana e o seu Povo!

Solidariedade com Cuba e a sua Revolução!

Solidariedade com os Povos vítimas da agressão imperialista!

A Paz tem de vencer!