A União de Jovens Comunistas de Cuba (UJC) prepara-se para celebrar no dia 4 de Abril o seu 56ª aniversário, com a intenção de fortalecer a participação das novas gerações no projeto social iniciado em 1959.

No mesmo dia completar-se-á os 57 anos da criação da Organização de Pioneiros José Martí (OPJM).

"Será um dia de júbilo, alegria e reconhecimento para a nossa valiosa e trabalhadora juventude", declarou à imprensa a primeira-secretária da UJC, Susely Morfa.

Durante a jornada terá lugar o Acto Nacional pelo aniversário da UJC e da OPJM na província central de Sancti Spíritus, disse um membro do Bureau Nacional da entidade juvenil, Diosvany Acosta.

Serão também recordadas as figuras de Julio Antonio Mella, dirigente juvenil e fundador da Federação Estudantil Universitária, assassinado em 10 de janeiro de 1929, e o legado do líder histórico da Revolução cubana Fidel Castro, assinalou.

Como parte das atividades previstas estão a realização de trabalhos produtivos, encontro com a história, percursos por rotas e acampamentos, informou Acosta.

Além disso serão inauguradas obras sociais e projetos comunitários dirigidos às novas gerações, pontuou Acosta.

Por ocasião deste aniversário, um grupo de jovens serão condecorados com a Ordem Julio Antonio Mella, e as medalhas Abel Santamaría Cuadrado e José Antonio Echeverría.

 

Fonte - Prensa Latina