A AAPC recorda hoje a libertação e regresso a Cuba de António, Gerardo e Ramón, os últimos dos 5 Heróis Cubanos condenados pela justiça norte-americana.

17.12.2014

 

Ontem na escadaria da Universidade de Havana milhares de jovens invocaram Fidel recordando o seu legado.

“O chefe está presente todos os dias, em cada estudante que sobe esta escadaria!”, traduz o pensamento do povo cubano.

Recordo uma frase corrente em pessoas que simpatizavam com Cuba: ”Quero ir a Cuba antes de Fidel morrer”.

Ignoravam que Fidel permaneceria vivo na sua obra, na memória do seu povo e de todos os povos que conheceram a solidariedade de Cuba e daqueles que lutam pela libertação dos seus povos e por sociedades mais justas.

CUBA SIM! BLOQUEIO NÃO!

Foto: Resoluçao em Sul21 

 

No dia 31 de Outubro iniciou-se a discussão no plenário da Assembleia Geral das Nações Unidas do documento apresentado por Cuba contra o Bloqueio de que a Nação Cubana é vítima há perto de 60 anos.

Este ano, ao contrário do que é habitual, os representantes dos Estados Unidos da América, resolveram brindar o plenário com oito emendas tentando alterar o sentido do voto dos estados membros.

Um documento carregado de invenções e mentiras, ofensivo para o Povo Cubano, que acabou por empurrar para um isolamento vergonhoso e rotundo a política externa dos EUA em relação ao Povo Cubano.

No dia 1 de Novembro, hoje, o mundo derrotou plenamente essas emendas e votou contra o Bloqueio massivamente. 189 votos contra, 2 a favor.